Make your own free website on Tripod.com

Acender velas para os yankees mortos?

por autor desconhecido

Só poderei começar a acender as velas quando se apagarem as que acendi em memória das:

a) Centenas de milhares de japoneses mortos por duas insanas bombas atômicas, jogadas quando a guerra já estava ganha e Hitler morto;

b) Dezenas de milhares de japoneses que, antes mesmo de nascer, já estavam condenadas a viver com câncer, surdez, cegueira e outros efeitos provocadas pelas bombas de Hiroshima e Nagasaki;

c) 2,5 milhões de vietnamitas trucidados em suas próprias casas;

d) Dezenas de milhares de coreanos, laoítas, cambojanos, panamenhos, haitianos, havaianos, salvadorenhos, nicaragüenses, cubanos, granadinos assassinados em suas casas por tropas americanas em invasões consideradas de "interesse nacional";

e) Dezenas de milhares de angolanos, moçambicanos, sul-africanos, iraquianos, sírios, iranianos, palestinos, árabes, sérvios, croatas, arzebaijaneses, afegãos, líbios, turcos, iemenitas trucidados em suas casas por movimentos radicais de extrema-direita cujo apoio financeiro, armamentício e logístico foi todo fornecido pelos EUA;

f) Dezenas de milhares de brasileiros, argentinos, chilenos, nicaragüenses, salvadorenhos, uruguaios, paraguaios presos, torturados e mortos por ditaduras militares sanguinárias que receberam todo o apoio diplomático, financeiro e militar dos EUA;

E por aí vai ...

Por favor, não me entenda mal. Também acho triste o que aconteceu nas torres gêmeas, principalmente com os brasileiros que lá estavam, muitos trabalhando em sub-empregos, que é para o que os americanos acham que a maioria dos estrangeiros servem. Entretanto, não podemos deixar que a emoção (embalada pela mídia) nuble a razão. Você sabe perfeitamente que uma sociedade é muito mais que a simples soma de indivíduos (fato que até mesmo os neoliberais mais arraigados reconhecem) e que a sociedade americana apoiou e/ou incentivou, com vigor e sem nenhum constrangimento, todos os fatos que enumerei acima.

Não que ache correto a resposta terrorista, mas que diante destes acontecimentos e do fato de que, desde que Bush filho assumiu o poder, os israelenses matam, em média, 50 palestinos por dia, acho que seria inevitável uma resposta destas.

Enfim, se é para acender velas, façamo-lo em homenagem aos que vão morrer, pois os EUA, apoiado pela "opinião pública", logo responderá com outra carnificina transmitida ao vivo pela CNN e pela TV Globo, que, meses depois, virará filme de Hollywood e de TV a cabo.

Retornar à página anterior